Blog

SEU CABELO É O QUE VOCÊ COME – SAIBA QUAIS HÁBITOS ALIMENTARES NÃO FAZEM BEM AOS FIOS

Na correria da vida moderna, nossas refeições são feitas com base em alimentos ultraprocessados – aqueles que compramos prontos no mercado – que são ricos em sódio, açúcares e gorduras que deixam os cabelos com aspecto seco e quebradiço. Uma dieta à base de vitaminas e nutrientes é o mais indicado e faz toda a diferença.

Já deu pra perceber que os nossos hábitos alimentares refletem no cabelo, certo? Nesse post separamos quatro costumes que você deve abolir da sua vida e da sua alimentação se quiser deixar as madeixas sedosas, com brilho e visivelmente saudáveis, o que é mais importante.

Abusar no álcool 

Se você tiver mais de 18 anos, é natural consumir álcool de forma moderada e esporádica. O problema acontece quando isso é feito em excesso. Não é de hoje que ouvimos falar dos malefícios do álcool para o nosso organismo, e se faz mal para o corpo, também faz para os cabelos.

Tomar bebidas alcoólicas de forma corriqueira e em altas doses desencadeia uma produção exagerada de radicais livres, que são os responsáveis pelas inflamações nos tecidos e, obviamente, no couro cabeludo. Essa inflamação faz com que as células gastem mais energia para metabolizar o álcool.

O resultado disso é a queda de cabelo, já que enquanto as células estão ocupadas com o etanol na sua corrente sanguínea os fios acabam ficando em segundo plano.

Não beber água

Todos temos uma vida corrida, uma rotina que exige muito de nossos corpos e mentes. Nisso, a nossa saúde e as nossas necessidades acabam sendo deixadas um pouco de lado,  a ponto de esquecermos a hidratação. Isso desencadeia reações em todo o nosso corpo, e também no cabelo.

A carência de água em nosso organismo traz algumas consequências que podem ir além da desidratação. A falta de h2o no organismo aumenta  a temperatura corpórea e a dificulta o transporte de nutrientes e eliminação das toxinas. E o resultado disso são os nossos cabelos opacos e menos resistentes aos danos diários.

Dietas sem acompanhamento

Na sociedade de hoje, onde as pessoas são metralhadas de informação e entaladas em padrões estéticos impostos pela mídia, não é difícil encontrar pessoas que queiram perder peso.O certo nesses casos é procurar um profissional de nutrição e contar com a ajuda dele no processo, mas não é o que costumamos fazer.

Como já citamos, a falta de nutrientes afeta a sua saúde e a do seu cabelo, que sofre bastante com mudanças repentinas no metabolismo. A maioria das dietas de internet não leva isso em consideração e quando são seguidas, não entregam metade das vitaminas que o corpo precisa. O resultado são cabelos quebradiços e sem vida.

Não se alimentar direito

Você já deve ter entendido que o seu cabelo precisa de nutrientes, mas podemos bater nessa tecla mais um pouco. Em nossa rotina corrida, são poucas as vezes em que realmente nos damos ao luxo de uma comida caseira, com alimentos orgânicos. Ter ao menos uma refeição decente por dia faz milagres.

Não estamos dizendo que as pizzas no final de semana estão proibidas, mas fazer delas o seu prato principal todos os dias não vai trazer nenhum benefício. Vai fazer exatamente o oposto.

Como isso funciona na prática?

Ouvimos muitos profissionais da nutrição dizendo que quanto mais colorido estiver o seu prato, mais saudável vai ser a refeição. Essa é a mais absoluta verdade, uma alimentação balanceada é a chave para deixar o seu corpo e o seu cabelo saudáveis. Por essa razão, separamos as principais vitaminas parceiras do seu cabelo. Olha só:

Vitamina E

É um dos nutrientes mais importantes para uma boa circulação sanguínea no couro cabeludo para o crescimento saudável, por consequência. Além disso, previne os fios brancos e a queda dos cabelos. Pode ser encontrada em cereais integrais, sementes e fígado animal.

Vitamina A

Essa vitamina é um poderoso antioxidante e ajuda na produção da oleosidade natural dos fios. Além disso,  evita a quebra dos cabelos e acelera a regeneração. Você pode encontrar  na cenoura, na beterraba e na batata-doce, por exemplo.

Vitamina C

Assim como a anterior, é um antioxidante natural que contribui com a síntese do colágeno pelo organismo. Isso  previne o ressecamento e mantém o cabelo saudável. Além disso, diminui o ph dos dos fios e fecha as cutículas. É encontrada em verduras e frutas, como a laranja.

Proteínas

Estas são essenciais para a estrutura do cabelo, já que ele é basicamente formado por elas. A queratina é a proteína predominante no fio, para auxiliar na saúde dos fios, opte por comidas como carnes vermelhas, frangos, peixes, iogurtes e derivados do leite de modo geral.

Zinco e ferro

São os minerais que previnem a queda capilar O ferro auxilia na oxigenação dos fios e do couro cabeludo, enquanto o zinco fica responsável pelo crescimento, desenvolvimento e reparação dos fios. Você pode encontrá-los em alimentos como feijão, fígado, couve e atum.

Cortar hábitos é algo trabalhoso e que leva algum tempo, por isso, não ache que vai conseguir abolir todos esses costumes da sua rotina do dia para a noite. Comece devagar, riscando um item da lista por vez.  Então, agora que já sabe do que você e o seu cabelo precisam, mãos à obra!